Emergências 0800 601 6001
25/01/2018

PRESIDENTES DO SINDUSCON VISITAM OBRA DA PONTE DO RIO IVAÍ

Os presidentes e diretores do Sindicato da Construção Civil do Paraná das regiões Norte e Noroeste fizeram uma visita técnica nas obras de duplicação da PR 317, no município de Floresta, no noroeste do Estado, que está sendo realizada pela Viapar.

 A construção da pista e da ponte sobre o Rio Ivaí, -  no sentido  Maringá-Campo Mourão - segue em ritmo acelerado. A ponte terá 280 metros de extensão e cerca de 33 metros de altura, equivalente a um prédio de 11 andares.

         A tecnologia usada na construção pela concessionária de rodovias na construção da ponte é que chamou a atenção dos presidentes do Sinduscon, com sedes em Londrina e Maringá. O projeto segue o modelo de ‘balanço sucessivo’ que não utiliza escoramento dentro do rio. A travessia está sendo construída de forma simultânea a partir dos dois pilares principais de sustentação.

         O presidente do Sinduscon Noroeste, Marcos Mauro Pena disse que o objetivo da visita foi propiciar aos nossos associados e diretores um conhecimento técnico de uma obra única no Paraná. “Essa é uma obra de ponta, que não encontramos em qualquer lugar. Isso mostra a competência da engenharia da nossa região. Essa estrutura vai oferecer uma comodidade para a população que usa essa rodovia como ligação entre o Noroeste e o Oeste do estado”, ressaltou.

         O presidente do Sinduscon Norte, Rodrigo Zacaria, também ficou impressionado com a obra. Ele afirmou que é um orgulho ver uma obra com tanta tecnologia sendo feita no Paraná. “Tecnicamente é fantástica, porque preserva um vão livre no rio Ivaí para permitir que seja navegável. Você vê a evolução da engenharia, porque antigamente a gente tinha pontes com vários trechos e juntas de dilatação. Esta não, terá apenas duas juntas de dilatação nas pontas”, comentou.

         Segundo o gerente de obras da Viapar, Antonio Clarete Valente, esta foi uma visita extremamente importante porque são representantes do setor de engenharia civil conhecendo uma técnica de construção que não é tão usual.

O investimento total daViapar na duplicação desse trecho é de 60 milhões de reais. Metade desse valor está sendo consumida para erguer a nova estrutura sobre o rio, que deve estar concluída até março deste ano. A previsão é de que o tráfego seja liberado até o fim do primeiro semestre.

Aguarde...