Emergências 0800 601 6001
25/02/2019

Saúde do Caminhoneiro atendeu 71 profissionais neste sábado (23)


Foram oferecidos vários serviços e coletados dados para uma pesquisa acadêmica

 

  Neste sábado (23), exatos 71 profissionais do volante foram atendidos no “Saúde do Caminhoneiro”, iniciativa que ofertou serviços gratuitos no posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) localizado na PR-317, em Floresta. Quem parou pôde cortar o cabelo, aferir a pressão, fazer testes de glicemia capilar, fazer um lanchinho, além de receber orientações sobre os cuidados com a saúde e prevenção de acidentes.

 

   O caminhoneiro, Antônio Amadil Martins, 48 anos, foi um dos beneficiados. Ele, que mora em Araruna (PR), roda a média de 10 mil quilômetros por mês Brasil afora. “Este trabalho realizado aqui hoje é muito importante, pois na correria do dia a dia não temos condições de fazer isso. A saúde é algo importante e que precisamos preservar se quisermos continuar trabalhando”, avaliou.

 

   Quem também participou foi o motorista, Clóvis Pereira de Jesus, 42 anos. Ele mora em Ivaté (PR) e percorre 6 mil quilômetros todos os meses. “Isso aqui é gratificante, inclusive agradecemos os organizadores pelo evento. Pudemos fazer inúmeros exames e ficar sabendo as condições da saúde, sem contar os demais serviços oferecidos. Teve até quem cortou o cabelo”, comentou.

 

   Em paralelo aos atendimentos, os dados coletados com os motoristas vão embasar um estudo acadêmico que será publicado em uma revista científica. “As informações aqui coletadas vão ser confrontadas com os acidentes registrados pela Viapar nos últimos 10 anos. O resultado poderá ser utilizado para adoção de políticas públicas em prol dos caminhoneiros”, citou a professora de medicina, Sílvia Veridiana Victorino.       

 

    O evento foi promovido pela Viapar, polícia rodoviária e Unicesumar. A concessionária de rodovias realiza este tipo de evento desde 2005, qual já beneficiou mais de 3 mil pessoas.

Aguarde...